Category: Lendas indígenas

Lenda de Vila Velha

vila_velha

Conta a lenda de Vila Velha (Ponta Grossa) que há muitos anos havia um lugar denominado como Abaretama, cujo significado era “terra dos homens”. Nesse local, vivia a tribo dos Apiabas, que deveria proteger o tesouro de Itaimmareru. Desfrutando de muitas regalias, os índios não deviam se envolver com mulheres, pois elas trariam a desgraça…

Lenda da araucária

araucaria

Diz a lenda que um certo dia, ao sair caçar, um índio encontrou uma onça e a curandeira da tribo inimiga, pela qual havia se apaixonado. Após matar a onça ele se aproximou da índia, que se assustou e desmaiou. Índios da tribo inimiga encontraram o caçador com a curandeira nos braços, pensaram mal do…

Lenda do dilúvio

diluvio-tupinamba

A Lenda do dilúvio é uma lenda Tupinambá que conta que Sumé era o pai dos gêmeos Tamendonaré (Tamandaré) e Aricute. Tamendonaré era calmo e vivia para cuidar da família. Aricute era um guerreiro valente que gostava de guerrear. Certo dia, ao regressar de uma batalha, ele insultou o irmão, atirando contra sua cabana o…

Lenda das Cataratas do Iguaçu

cataratas-iguacu

Segundo a Lenda das Cataratas do Iguaçu, os índios Kaingang que habitavam às margens do rio Iguaçu (PR) acreditavam que o mundo era governado por Mboi, um deus que tinha a forma de uma serpente gigante, vivia no fundo das águas do rio e era filho de Tupã. O cacique desta tribo chamado Igobi, tinha…

Lenda da cobra Boiúna – Cataratas

boiuna

Numa tribo do Paraná, vivia uma cobra enorme, a Boiúna Capei, que aterrorizava a todos. Para que a Boiúna não atacasse os índios, o cacique prometeu que lhe daria sua filha Naipi em casamento. A jovem Naipi tinha bom coração e queria salvar a tribo, mas era apaixonada por Titçatê, um valente guerreiro. Quando chegou…